"& alias vidi tractatum de fideiussoribus seu assecurationibus, Petro Santerna, Lusitano, Iureconsulto clarissimo autore", Benvenuto Stracca in "De mercatura decisiones, et tractatus varii, et de rebus ad eam pertinentibus in quibus omnium Authorum", 1556. /// Blogue dedicado ao 'Grande Direito Comercial', i.e., ao Direito dos Mercados e das Empresas // Bitácora dedicada al 'Gran Derecho Comercial/Mercantil', i.e., al Derecho de los Mercados y de las Empresas.

joi, noiembrie 03, 2005

"Mercados sem igualdade de oportunidades não funcionam" / "O pouco que os países desenvolvidos dão com uma mão tiram com outra"

Como refere o jornalista Pedro Ribeiro, no Público de hoje, "Todos os anos o Banco Mundial publica relatórios sobre o desenvolvimento, com conselhos sobre como melhorar as condições de vida nos países mais pobres através do crescimento económico. Mas a edição deste ano tem uma perspectiva diferente: explicar que as desigualdades sociais são um entrave ao crescimento.
Francisco Ferreira, é dos autores do World Development Report 2006, e defende que a evolução da China ou da Índia nas últimas duas décadas se deve a uma combinação da liberalização das suas economias com 'uma base de acesso aos serviços e à terra mais equalitária', enquanto África e a América Latina, 'em função parcialmente das suas desigualdades, não conseguiram descolar'.
Em entrevista ao PÚBLICO, Francisco Ferreira fala das soluções propostas pelo Banco Mundial (BM) para minorar as desigualdades - entre elas, práticas comerciais mais justas dos países ricos, mais abertura à imigração, e o reconhecimento do 'papel redistributivo do Estado'." (As hiperligações foram acrescentadas)
Atendendo à relevância didática desta entrevista, a mesma foi transcrita para o Santerna extenso.

Coincidentemente, a edição de hoje do Diário Económico publica uma outra entrevista de Pedro Ferreira, neste caso à jornalista Mónica Silvares, intitulada "O pouco que os países desenvolvidos dão com uma mão tiram com outra", a qual pode acedida em texto integral.

2 comentarii:

Roberto Iza Valdes spunea...
Acest comentariu a fost eliminat de administratorul blogului.
Iza Roberto spunea...
Acest comentariu a fost eliminat de autor.