"& alias vidi tractatum de fideiussoribus seu assecurationibus, Petro Santerna, Lusitano, Iureconsulto clarissimo autore", Benvenuto Stracca in "De mercatura decisiones, et tractatus varii, et de rebus ad eam pertinentibus in quibus omnium Authorum", 1556. /// Blogue dedicado ao 'Grande Direito Comercial', i.e., ao Direito dos Mercados e das Empresas // Bitácora dedicada al 'Gran Derecho Comercial/Mercantil', i.e., al Derecho de los Mercados y de las Empresas.

marți, noiembrie 29, 2005

"Analistas dizem que o Governo seguirá Espanha: 'Golden-shares' com dias contados"

O Diário de Notícias de hoje adianta que "O Governo português terá de seguir o exemplo de Espanha e abandonar o estatuto de golden shares que adoptou para empresas como a Portugal Telecom, EDP e a Siderurgia Nacional.
'O facto do Governo espanhol ser obrigado a abandonar o poder de veto que detém em certas empresas privatizadas e cotadas, tais como a Telefónica, Endesa, Repsol e Ibéria irá decerto, criar um precedente, que o Estado português terá que seguir', explicou a Lisbon Brokers numa nota de research divulgada ontem. Bruxelas está a analisar uma queixa de um investidor da PT sobre a golden share que o Estado detém na operadora. O ministro das Finanças admitiu recentemente que se o Estado perder o estatuto de veto de decisões estratégica a alternativa poderá ser o reforço accionista directo nas empresas consideradas estratégicas, à semelhança do que acontece em França ou na Alemanha. O desaparecimento das golden shares, levará, segundo analistas, a um aumento de fusões e aquisições na Europa. Neste cenário concreto, a Lisbon Brokers, coloca a PT na lista de empresas potenciais alvo de OPA. 'Sem uma protecção explícita por parte do Governo, a PT obviamente estará na mira dos outros operadores globais', dizem os analistas."

Niciun comentariu: